Imóveis Sustentáveis: Esse Investimento Compensa?

Numa mudança de visão de alguns empresários brasileiros do ramo da construção civil, vemos chegar ao nosso país à construção de casas sustentáveis em ritmo comercial e com objetivos claros de tornarem-se um modelo a ser seguido pela indústria da construção civil no futuro. Mas, se analisarmos todos os problemas envolvidos e pensarmos que construir essas casas sustentáveis é muito mais caro do que construir uma casa pelo sistema tradicional, saberemos que a pergunta óbvia no caso é: “Vale a pena investir em casas sustentáveis”?

casa sustentávelA cada dia que passa observamos que nosso planeta manda sinais muito claros de que algo vai muito errado. Cientistas que estudam esses sinais há anos, afirmam que esses problemas decorrem da forma como negligenciamos e agimos de maneira irresponsável em relação à natureza e ao meio ambiente que nos cerca. Por isso mesmo, uma mudança de mentalidade é exigida da população em geral e, principalmente, do empresariado.

Por parte dos empresários do ramo da construção civil em nosso país e, me atrevo a dizer, no mundo todo, a construção de casas sustentáveis parece representar uma ameaça e uma queda de lucratividade que não se justifica e não compensaria os investimentos necessários. Nada pode ser mais errado do que esse pensamento. Para provar, temos empreendimentos e construções de casas sustentáveis em vários lugares do mundo que foram plenos sucessos comerciais e lançaram seus construtores na vanguarda da construção civil de seus países.

Por aqui, a coisa não é diferente. Alguns empresários “visionários” começaram a construir casas sustentáveis, em grandes e médias cidades brasileiras, e esses imóveis sustentáveis se tornaram grandes sucessos de público e de vendas. Agradando em cheio ao consumidor brasileiro preocupado com a ecologia e com a conservação do meio ambiente e também os que não estão “nem aí” para isso e que se encantaram pelo grande potencial de economia de recursos financeiros que essas casas representam para seus proprietários, quando o assunto é o pagamento de contas de concessionárias de serviços públicos. imóveis sustentáveisEsse é o aspecto sobre as casas sustentáveis que mais deve ser explorado para o público brasileiro. Afinal de contas, aliar as perspectivas de proteção ambiental e de conservação de recursos naturais com uma boa e velha economia de dinheiro com as contas de água e de luz, podem representar uma sedução irresistível para o perfil do consumidor brasileiro. E essa deve ser a ferramenta inicial de todos os que se dispuserem a construir essas casas sustentáveis como investimentos comerciais.

A escalada do consumo humano e a degradação planetária que experimentamos e podemos claramente observar nos cataclismas que se sucedem de forma mais acentuada e freqüente a cada vez que eles ocorrem, cedo ou tarde, mostrará que uma mudança na forma como encaramos a natureza e o ambiente que nos cerca é mais urgente do que queiramos acreditar. Afinal de contas, hoje os cientistas nos provaram que consumimos os recursos do planeta numa velocidade vinte por cento maior do que ele é capaz de repor. Logo, essa situação nos levará para um final trágico e sem retorno se nada for feito.

f iconCompartilhar no Facebook
Quer mais notícias sobre sustentabilidade?

Nós gostamos de compartilhar histórias como essa no Facebook.
Clique em curtir abaixo e comprove.

(Sério, você não vai se arrepender!)

comente

4 Comentários para “Imóveis Sustentáveis: Esse Investimento Compensa?”

  1. Peter Santos

    Òtimo artigo,se houver um empenho maior por parte das construtoras em divulgar mais para sociedade se interagir,a respeito da sustentabilidade vai dar certo.

  2. ANGELA MARIA DE SOUZA

    Queria muito ter uma casa ecológica, mesmo que seja de barro, mas vejo cada vez mais longe de meu alcanse.

  3. LiAh Souza

    Se não mudarmos nosso modo de vida imediatamente quem sofrerá os danos seremos nós mesmo, as casas sustentáveis são uma ótima forma de ajudar ao meio ambiente e o nosso bolso…

Deixe um comentário

XHTML: Você pode utilizar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>