Garrafas PET – Alternativa Para Armazenar Alimentos Não Perecíveis

Grãos garrafa pet

A reciclagem é essencial nos dias de hoje, pois, com a grande quantidade de embalagens plásticas e de diversos materiais, não é possível que a natureza consiga absorver tudo isso em pouco tempo. Dessa forma, quanto mais for promovida a conscientização sobre o lixo e sobre as causas do descarte malfeito, melhores serão as atitudes que os cidadãos tomarão em busca de um planeta limpo e bom para se viver.

Mais do que a reciclagem, a reutilização das embalagens se faz necessária, pois assim ocorre a diminuição da quantidade de lixo produzida por pessoa, o que ajuda na preservação do meio ambiente.

Por que usar?

O armazenamento de alimentos não perecíveis em garrafas PET é uma boa alternativa, pois se trata de material de fácil acesso, e seu custo é praticamente zero, já que o plástico tem grande durabilidade e resistência à ação do tempo e o processo para armazenar os alimentos é muito mais fácil do que se imagina.

Passo a passo para armazenamento em garrafas PET

1. As garrafas que servirão de recipiente para armazenar alimentos não perecíveis devem ser incolores e precisam ser esterilizadas com álcool, inclusive nas tampas. É importante que as garrafas sequem completamente antes de colocar os alimentos.

2. Uma dica essencial é a inserção do alho no processo, pois é ele que irá garantir a conservação, atuando como bactericida, sem deixar que a umidade chegue aos alimentos. A cada quatro dedos de grãos, deve-se colocar um dente de alho, o que deve ser feito até que a garrafa esteja completa.

3. Também é permitido colocar pimenta, para evitar a formação de carunchos.

4. Durante o processo, bata a garrafa para que os grãos se acomodem, liberando espaço para mais conteúdo.

5. Após o enchimento total da garrafa, é preciso fechá-la corretamente e o processo a vácuo garante melhor conservação dos alimentos. Para esse passo será necessário alumínio, algodão, álcool e fósforos.

6. Modele o alumínio para ser vir de base para o pedaço de algodão, que deverá estar embebido em álcool.

7. Posicione o alumínio com o algodão sob a boca da garrafa e coloque fogo. A combustão irá utilizar todo o oxigênio da garrafa finalizando o processo a vácuo, que elimina a existência de bactérias.

8. Depois de terminado o processo a vácuo, tampe fortemente a garrafa.

9. Você deverá completar a etapa passando, no mínimo, três voltas de fita adesiva, para evitar a entrada de quaisquer organismos.

10. Para finalizar, fixe etiquetas nas garrafas com a data do armazenamento e a validade, que pode chegar a três anos.

f iconCompartilhar no Facebook
Quer mais notícias sobre sustentabilidade?

Nós gostamos de compartilhar histórias como essa no Facebook.
Clique em curtir abaixo e comprove.

(Sério, você não vai se arrepender!)

comente