Faça um Lindo Vasinho com uma Lata de Atum e Prendedores

Quando depositados indevidamente na natureza, os metais podem levar até 500 anos para se degradar. O mesmo acontece com diversos outros tipos de materiais, como sacolas plásticas, embalagens de leite e garrafas PET, que levam, no mínimo, 100 anos no meio ambiente para desaparecem naturalmente.
Vaso Lata de Atum
O Programa Nacional da Organização das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma) aponta que a produção de resíduos sólidos em todo o mundo aumentará 70% até o ano de 2025. Diante dessa estimativa, ganha evidência uma prática que já é difundida há certo tempo em nossa sociedade – a reciclagem.

Quem pratica os procedimentos de reaproveitamento de materiais está fazendo muito mais do que retirar o lixo da natureza A gestão imprópria de resíduos é capaz de contaminar a água, o ar e os alimentos, tornando-se um grave problema para a saúde pública.

Com muita criatividade e simplicidade, as peças produzidas a partir da reciclagem podem ser excelentes opções para decorações, como o vasinho feito a partir de uma lata de atum e prendedores de roupa.

Itens necessários

Para montar o seu próprio vasinho você precisará apenas de uma latinha de atum e prendedores de madeira suficientes para cobrir toda a circunferência da lata.

Construa seu vasinho diferenciado

Tão simples quanto os itens necessários também é a montagem do vasinho. Primeiramente, certifique-se de que a lata de atum esteja totalmente limpa e sem o rótulo.
Pegue os prendedores de roupa e, um a um, coloque-os na borda da lata cuidadosamente. Tente deixar o menor espaço possível entre as peças.

E assim, o vaso estará pronto. Se preferir, uma pintura ou colagem nos prendedores deixará a peça ainda mais bonita e personalizada. Use sua criatividade e coloque velas, plantas, canetas e o que mais desejar nesse diferente e belo vasinho. Você deixará sua casa mais enfeitada e ainda irá contribuir com a natureza.

f iconCompartilhar no Facebook
Quer mais notícias sobre sustentabilidade?

Nós gostamos de compartilhar histórias como essa no Facebook.
Clique em curtir abaixo e comprove.

(Sério, você não vai se arrepender!)

comente