Reutilizar e Reciclar – Qual a diferença?

reciclar-e-reutilizar

Fonte da imagem: http://blog.oxfamintermon.org/

Embora reutilizar e reciclar sejam atitudes que façam a diferença a todos os cidadãos conscientes que se preocupam em cuidar do meio ambiente, elas não são a mesma coisa. Na verdade, essas ações começam com o ato de reduzir, completando o grupo dos 3 Rs. Assim, o consumidor deve analisar a real necessidade de adquirir algum produto ou serviço, abolindo a compra por impulso e desperdícios. Que tal reparar aquele eletrônico em vez de comprar um novo? A ideia também é atentar as pessoas para escolher aqueles que duram mais e podem ser utilizados mais de uma vez.

Reduzir é a atitude sustentável mais importante, já que reutilizar e reciclar somente minimizam os impactos, apesar de serem igualmente importantes. Vamos conhecê-las melhor?

Reutilizar

Para muitas pessoas, reutilizar e reciclar são ações sinônimas. No entanto, elas são diferentes. Durante o reuso, os materiais não precisam passar por nenhum tipo de transformação para serem empregados na confecção de novos objetos, às vezes de acordo com sua proposta inicial, às vezes totalmente distante disso. A atitude refere-se dar outra função àquilo que você não está mais utilizando e promover o consumo consciente. Exemplo disso é doar roupas, sapatos, móveis e outros itens que você não use mais. Além disso, reformando ou customizando produtos, você pode dar uma nova cara a eles ou utilizá-los com uma nova função. Dessa forma, você ajudará a diminuir o uso de matéria-prima e, consequentemente, a polpar recursos naturais.

Reciclar

Mesmo reduzindo e reutilizando, ainda poderão haver itens que serão descartados depois de cessar a sua utilidade. Como na natureza nada se perde, tudo se transforma, mesmo diante de situações assim, reciclar é uma das maneiras mais sustentáveis de destinar corretamente esses materiais. Basicamente, trata-se de colocar o material em um novo ciclo de produção, de forma que o que era considerado lixo seja transformado em outro material que, por sua vez, é usado na confecção de novos produtos. A atitude ajuda a diminuir a quantidade de resíduos que vão para os lixões ou aterros e ainda gera renda para catadores e cooperativas, contribuindo para a diminuição da demanda por matéria-primas.

Praticamente tudo pode ser reciclável, basta separar cada produto de acordo com o material utilizado para sua confecção. Coloque em uma lixeira somente os resíduos orgânicos e em outra embalagens de plástico, metal, entre outras para facilitar essa separação. Em seguida, verifique se no seu bairro existem programas de coleta seletiva para cada um deles.

Agora que você já sabe a diferença e a importância de cada uma dessas ações, não deixe de praticá-las!

Você também vai gostar de: 

  1. Como reutilizar embalagens
  2. A importância da reciclagem
  3. Reciclagem ajuda o meio ambiente e traz qualidade de vida
f iconCompartilhar no Facebook
Quer mais notícias sobre sustentabilidade?

Nós gostamos de compartilhar histórias como essa no Facebook.
Clique em curtir abaixo e comprove.

(Sério, você não vai se arrepender!)

comente

Deixe um comentário

XHTML: Você pode utilizar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>